O braquete descolou: o que fazer? Estudo laboratorial

Por Administrador

Edição V18N05 | Ano 2019 | Editorial Artigo Original | Páginas 100 até 109

Ariane Fernanda Carvalho, Mauro Carlos Agner Busato, Francielle Carneiro Hirata, Giovani Ceron Hartmann, Priscilla Do Monte Ribeiro Busato.

OBJETIVO: comparar in vitro a resistência ao cisalhamento de braquetes metálicos e o índice de adesivo remanescente, após recolagem de braquetes novos e dois métodos de reciclagem. MÉTODOS: foram colados braquetes ortodônticos à superfície vestibular de 45 dentes bovinos, os quais foram cisalhados em máquina universal de ensaio EMIC. Em seguida, criaram-se três grupos: Grupo 1) braquetes novos; Grupo 2) braquetes reciclados com broca multilaminada; Grupo 3) braquetes reciclados com óxido de alumínio. Novamente foram cisalhados e obtidos valores de resistência adesiva (RA). Cada superfície de esmalte foi classificada de acordo com os escores do Índice de Adesivo Remanescente (ARI, Adhesive Remnant Index). As comparações foram feitas intra e intergrupos, com testes estatísticos específicos para cada variável. RESULTADOS: analisando a RA, verificou-se que houve diferença estatisticamente significativa entre os grupos, sendo o Grupo 2 inferior (p < 0,05). Os resultados de ARI nos diferentes grupos mostraram diferença estatística (p < 0,05). Os grupos com braquetes recondicionados apresentaram um padrão de falhas com predominância de escores 2 e 3. A comparação da RA intragrupos atestou que há uma tendência de aumento na resistência no grupo de colagem de braquete novo, enquanto nos grupos de recondicionamento houve uma manutenção da RA. CONCLUSÃO: houve uma tendência de aumento na resistência no Grupo 1. A resistência adesiva de braquetes novos e recondicionados com jateamento por óxido de alumínio foi melhor do que o recondicionamento com broca. Os resultados do ARI mostraram que houve diferença entre os grupos, com uma maior quantidade de adesivo remanescente quando houve reciclagem. Resistência ao cisalhamento, Braquetes, Ortodontia,

Carvalho AF, Busato MCA, Hirata FC, Hartmann GC, Busato PMR. O braquete descolou: o que fazer? Estudo laboratorial. Rev Clín Ortod Dental Press. 2019 Out-Nov;18(5):100-9.