Intercuspidação final do tratamento ortodôntico

Por Administrador

Edição V17N06 | Ano 2018 | Editorial Dicas do Marden | Páginas 44 até 53

Marden Bastos

“Podemos conseguir uma melhor intercuspidação no final do tratamento ortodôntico segmentando o arco superior na distal dos incisivos laterais ou caninos, retirando os segmentos posteriores (Fig. 1 a 5) e conjugando de segundo molar a segundo molar, passando em ‘X’ nos laterais, para evitar sua rotação (Fig. 6 a 24). O conjugado evita a abertura de espaços e rotações indesejadas. Com um mês de elásticos 3/4” leves, uso noturno em ziguezague, partindo do primeiro molar superior, terminando no canino inferior (Fig. 25 a 31) logramos aquele “super” encaixe final. O paciente é instruído a usar o elástico para dormir, trocando-o por elástico novo todos os dias. Vale lembrar que a segmentação deve ser feita somente no arco superior, pois os dentes com elástico de intercuspidação sem arco perdem torque. Se isso acontece no arco superior, o encaixe melhora; mas se acontece no inferior, piora a oclusão…”

Bastos M. Intercuspidação final do tratamento ortodôntico. Rev Clín Ortod Dental Press. 2018 Dez-Jan;17(6):44-53. DOI: https://doi.org/10.14436/1676-6849.17.6.044-053.dic