Mecanismos de formação da face: o que ocorre é nivelamento, e não fusão, dos processos

Por Administrador

Edição V16N05 | Ano 2017 | Editorial Controvérsias na Ortodontia | Páginas 96 até 110

Alberto Consolaro, Mariana Trevizan, Renata Bianco Consolaro, Ingrid Araújo Oliveira

Os mecanismos de formação da face envolvem processos de nivelamento do desenvolvimento embrionário ou a fusão/integração dos mesênquima posteriormente ao encontro de ectodermas e seu desaparecimento por apoptose. Ao longo das décadas, a fusão nunca foi demonstrada metodologicamente, a não ser em um ponto de encontro dos processos palatinos laterais, após o qual ocorre o nivelamento anterior e posterior. A partir de textos permeados por figuras esquemáticas pertinentes, com objetivo predominantemente didático, procurou-se explicar a formação da face, para facilitar a compreensão e aplicação em diagnósticos e planejamentos clínicos, considerando-se o nivelamento dos processos faciais.

Consolaro A, Trevizan M, Consolaro RB, Oliveira IA. Mecanismos de formação da face: o que ocorre é nivelamento, e não fusão, dos processos. Rev Clín Ortod Dental Press. 2017 Out-Nov;16(5):96-110. DOI: https://doi.org/10.14436/1676-6849.16.5.096-110.cnt