O desafio do tratamento da má oclusão de Classe II, divisão 1, com agenesia na arcada inferior: relato de caso

Por Administrador

Edição V16N03 | Ano 2017 | Editorial Caso Clínico | Páginas 78 até 90

Eduardo Martinelli Santayana de Lima, Renato Dalla Porta Garcia, Renata Córdova Petersen, Fernanda de Souza Henkin, Luciane Macedo de Menezes

Este relato de caso descreve o tratamento ortodôntico de uma paciente de sete anos de idade com má oclusão de Classe II de Angle, divisão 1, associada a mordida aberta anterior e agenesia de um incisivo inferior. O tratamento foi realizado em duas etapas: uma previamente ao período de crescimento puberal e outra durante esse período. Inicialmente, foi utilizado aparelho removível superior com grade palatina, seguido de aparelho extrabucal de tração cervical e tratamento corretivo total, com aparelho fixo Edgewise standard. A ausência de um incisivo inferior foi compensada com perda de ancoragem posterior e com restauração dos incisivos (aumento mesiodistal) para fechamento dos espaços residuais. Ao fim do tratamento, os objetivos iniciais foram alcançados. A paciente apresentou uma boa harmonia facial, o sorriso tornou-se mais estético e foram estabelecidas relações de caninos e molares em Classe I em ambos os lados, com oclusão funcional.

Lima EMS, Garcia RDP, Petersen RC, Henkin FS, Menezes LM. O desafio do tratamento da má oclusão de Classe II, divisão 1, com agenesia na arcada inferior: relato de caso. Rev Clín Ortod Dental Press. 2017 Jun-Jul;16(3):78-90. DOI: https://doi.org/10.14436/1676-6849.16.3.078-090.art