Áreas hialinas não são parâmetros clínicos!

Por Administrador

Edição V16N03 | Ano 2017 | Editorial Controvérsias na Ortodontia | Páginas 112 até 118

Alberto Consolaro

Em casos clínicos, textos e aulas, é comum se explicar a falta de movimentação dentária após a ativação dos aparelhos ortodônticos e a sintomatologia dolorosa imediatamente após a aplicação da forças como consequências da formação de extensas áreas hialinas no ligamento periodontal. No entanto, não há dados, a partir de metodologias aplicáveis, que possam garantir a relação direta desses fenômenos com as áreas hialinas. A hialinização da matriz extracelular do ligamento periodontal pode ser identificada apenas do ponto de vista microscópico e, infelizmente, ainda não clinicamente. Procurou-se, neste texto, explicar e fundamentar por que ocorrem as áreas hialinas e o que elas representam no contexto da movimentação ortodôntica, quando analisada microscopicamente.

Consolaro A. Áreas hialinas não são parâmetros clínicos! Rev Clín Ortod Dental Press. 2017 Jun-Jul;16(3):112-8. DOI: https://doi.org/10.14436/1676-6849.16.3.112-118.cnt