Tratamento compensatório da má oclusão de Classe II com o uso de elásticos intermaxilares

Por Administrador

Edição V15N05 | Ano 2016 | Editorial Caso Clínico | Páginas 74 até 84

Thiago José Nunes Ribeiro Ferreira, Claudia Cristina da Silva, Fabricio Pinelli Valarelli, Karina Maria Salvatore de Freitas, Rodrigo Hermont Cançado

Introdução: A má oclusão de Classe II é caracterizada por uma discrepância dentária anteroposterior que, geralmente, está acompanhada por alterações esqueléticas. Objetivo: apresentar o relato de um caso com má oclusão de Classe II, divisão 1, com o crescimento estabilizado e discrepância óssea, tratado compensatoriamente com auxílio de elásticos, sem extrações e sem intervenção cirúrgica. A relação anteroposterior oclusal foi corrigida por meio de elásticos intermaxilares. O tratamento compensatório com auxílio de elásticos torna-se vantajoso ao ortodontista quando a cirurgia ortognática é rejeitada pelo paciente; no entanto, é necessário conscientizá-lo a colaborar com o tratamento e, para isso, o ortodontista deve enfatizar a motivação.

Como citar este artigo: Ferreira TJNR, Silva CC, Valarelli FP, Freitas KMS, Cançado RH. Tratamento compensatório da má oclusão de Classe II com o uso de elásticos intermaxilares. Rev Clín Ortod Dental Press. 2016 Out-Nov;15(5):74-84. DOI: http://dx.doi.org/10.14436/1676-6849.15.5.074-084.art