A aplicabilidade clínica e a importância dos levantes de mordida na mecânica dos Aparelhos Autoligados

Por Administrador

Edição V14N06 | Ano 2015 | Editorial Caso Clínico | Páginas 35 até 59

Henrique Mascarenhas Villela, Wanderson Itaborahy, Marco Leonardo Macedo Pádua e Rachel Itaborahy

O levante de mordida é um importante recurso utilizado no sistema de Aparelhos Autoligados que permite a instalação imediata da aparatologia ortodôntica nos dois arcos, propicia uma movimentação mais rápida dos dentes e estimula a expansão das arcadas, pois libera os arcos dos contatos oclusais. Os levantes de mordia podem ser posteriores ou anteriores e também são chamados de “buil up” ou “bite turbo”, respectivamente. As suas indicações são feitas conforme o tipo de má oclusão e padrão facial, com resultados distintos. Objetivo: Relatar dois casos clínicos com dois tipos de abordagens distintas nas correções das más oclusões dos pacientes braquifaciais com mordida profunda e terço inferior da face diminuído: caso clínico 1, uso de levante de mordida anterior e elásticos verticais de extrusão de dentes posteriores e caso clínico 2, uso de levante de mordida posterior e elásticos de Classe II. Material e Método: Ambos os casos foram tratados com Aparelhos Autoligados Interativos, que diminuíram a quantidade de consultas, mantendo a eficiência da correção. Resultados: em ambos os casos, conseguiu- se a finalização de molares, pré-molares e caninos em relação de Classe I. Conclusão: A escolha do tipo de recurso de levante de mordida a ser empregado depende do diagnóstico e das necessidades dos movimentos dentários, principalmente da relação dos incisivos superiores com os lábios. O sistema de Aparelhos Autoligados associado ao levante de mordida e aos elásticos intermaxilares se mostraram eficientes na correção das más oclusões de pacientes braquifaciais com mordida profunda e terço inferior da face diminuída.

Villela HM, Itaborahy W, Pádua MLM, Itaborahy R. A aplicabilidade clínica e a importância dos levantes de mordida na mecânica dos Aparelhos Autoligados. Rev Clín Ortod Dental Press. 2015 Dez – 2016 Jan;14(6):35-59.