Equilíbrio estático e sua importância

Por Administrador

Edição V14N04 | Ano 2015 | Editorial Artigo | Páginas 70 até 79

Thomas F, Mulligan

O equilíbrio estático normalmente é mal compreendido pelo ortodontista clínico. Esse tipo de equilíbrio só pode existir se três pré-requisitos forem cumpridos quando se instalam os arcos: 1) a soma das forças verticais deve ser igual a zero; 2) a soma das forças horizontais também deve ser igual a zero; 3) a soma dos momentos medidos ao redor de um mesmo ponto deve ser igual a zero. Quando o ortodontista tem conhecimento das forças e momentos necessários para um determinado caso, mas não conhece o sistema completo necessário para se obter o equilíbrio, normalmente acaba precisando tratar as consequências indesejáveis que advêm dessas forças e/ou momentos, não reconhecidos mas presentes. O não reconhecimento desses efeitos colaterais indesejados pode levar à necessidade de se usar arcos linguais, aparelhos palatinos, elásticos para mordida cruzada, entre outros, durante a vida toda. Vivemos em um mundo de causa e efeito, e nenhum efeito acontece sem uma causa.

Mulligan TF. Equilíbrio estático e sua importância. Rev Clín Ortod Dental Press. 2015 ago-set;14(4):70-9.