Tratamento interceptivo do apinhamento dentário por meio da expansão maxilar em leque e PLA

Por Administrador

Edição V13N03 | Ano 2014 | Editorial Caso Clínico | Páginas 82 até 89

Priscilla do Monte Ribeiro Busato, Paulo Guilherme Bittencourt Marchi, Maiara Mesomo, Patrícia Ohlmeyer Nassar, Mauro Carlos Agner Busato

Resumo
/
Introdução
/
Os procedimentos ortodônticos preventivos e interceptado

res são abordagens de tratamento relativamente simples e de baixo custo, que têm
como objetivo a correção das más oclusões em desenvolvimento, durante a dentição
mista. A literatura mostra que, aproximadamente, metade das crianças apresentam
apinhamento dentário, sendo, dessa forma, um problema preponderante de má oclu

são entre essas. O expansor em leque ou borboleta, acompanhado da placa labioa

tiva (PLA), podem ser utilizados nos casos de estreitamento das arcadas dentárias,
favorecendo a obtenção de espaço para os incisivos.
/
Objetivo
/
O objetivo desse
trabalho é, por meio de um relato de caso clínico, discutir o tratamento da discre

pância de modelos na dentição mista, por meio da expansão das arcadas dentárias
superior e inferior.
/
Métodos
/
Foram realizadas expansão esquelética e dentária,
utilizando-se, respectivamente, o expansor em leque e a PLA.
/
Resultados
/
Os prin

cipais objetivos propostos foram alcançados ao final do tratamento, sendo mantidos
no período de proservação (início da dentição permanente).
/
Conclusões
/
Tendo
sua indicação respeitada, a associação do expansor em leque e PLA constitui um
método efetivo para o tratamento do apinhamento dentário superior e inferior na fase
de dentição mista.