Acessibilidade: um direito e o dever de todos

Por Administrador

Edição V10N06 | Ano 2011 | Editorial Arquitetura do Ambiente Clínico | Páginas 18 até 19

Maria Augusta Paes de Mello

Há algum tempo, o poder público acordou para a necessidade de fazer cumprir a legislação sobre acessibilidade, que, embora exista há bastante tempo, não era cumprida na íntegra. A norma NBR 9050:2004 dispõe sobre acessibilidade a edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos, tornando os ambientes acessíveis à maior quantidade possível de pessoas (independentemente de idade, estatura ou limitação de mobilidade ou percepção), de maneira autônoma e segura. Engloba tanto estabelecimentos públicos quanto privados, onde enquadram-se as clínicas odontológicas. Não são muitos os profissionais que, em seus projetos ou reformas, levam em consideração esses princípios relacionados à questão da acessibilidade. Na maioria das vezes, não são consideradas as dimensões mínimas para acesso aos consultórios e áreas de circulação, e não existem banheiros adaptados para pacientes portadores de deficiência ou cadeirantes. […]