Proposta de um modelo de consentimento informado para a clínica ortodôntica

Por Administrador

Edição V10N03 | Ano 2011 | Editorial Artigo | Páginas 52 até 56

Fabiane Piva, Carla DAL Magro, Luciane Q, Closs, Maria Perpétua Mota Freitas, Eduardo Nakamura

A boa relação paciente-profissional na Ortodontia é de extrema importância e deve ser preservada, pois a complexidade dos casos e a duração dos tratamentos podem abalar essa relação, causando desgaste e desconforto para ambas as partes. Com o aumento dos processos civis contra cirurgiões-dentistas, em particular os especialistas em Ortodontia, surge a necessidade da padronização de um consentimento informado voltado aos pacientes. Com essa proposta, o presente artigo sugere um modelo de termo de consentimento, explicando todos os riscos, responsabilidades e limitações do tratamento ortodôntico de forma a amparar (legalmente) o especialista nas suas abordagens terapêuticas.