Modificação da técnica laboratorial para confecção do aparelho Herbst

Por Administrador

Edição V10N01 | Ano 2011 | Editorial Dica Clínica | Páginas 20 até 27

Leopoldino Capelozza Filho, Sérgio Luiz de Azevedo Silva, Mauricio de Almeida Cardoso, Tien Li An

A partir do final da década de 70, o aparelho desenvolvido em 1906 por Emil Herbst foi reintroduzido na literatura ortodôntica mundial por Hans Pancherz, voltando a ser utilizado progressivamente nos tratamentos das más oclusões do Padrão II em vários estágios de maturidade oclusal. Desde então, diversos protocolos para utilização e variações na confecção laboratorial também têm sido descritos. Este artigo visa a demonstrar as etapas laboratoriais da confecção de um modelo do aparelho Herbst, utilizando como ancoragem superior o expansor tipo Haas e o arco lingual inferior. Adotamos rotineiramente essa variação, que torna o dispositivo mais resistente a quebras e reduz os custos quando comparado ao protótipo original para utilização do mecanismo propulsor.