Eficiência e alta performance no consultório = conforto para o cliente e para o dentista

Por Administrador

Edição V09N06 | Ano 2010 | Editorial Marketing | Páginas 46 até 47

Henrique nakama

Em todos esses meus 18 anos estudando e vivenciando a administração e o marketing para a Odontologia, consegui aprender algumas grandes lições, que gostaria de compartilhar com os colegas. No ano de 2006, estudei mais de 40 casos, englobando clínicas de portes variados, espalhadas pelo Brasil (em São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Bahia, Ceará, Brasília). Cheguei à conclusão de que, independentemente da região, havia algo em comum a ser considerado no maior ou menor sucesso dessas clínicas. Em primeiro lugar, o perfil empreendedor dos dentistas e, em segundo, como mantinham o consultório com eficiência e alta performance. Aqui vão, portanto, algumas dicas essenciais. Embora elas pareçam óbvias, o que faz toda a diferença é a capacidade individual de pô-las em prática.