Influência do clareamento dentário com peróxido de carbamida a 10% na colagem de braquetes ortodônticos: uma revisão sistemática

Por Administrador

Edição V07N04 | Ano 2008 | Editorial Artigo | Páginas 56 até 61

Marilda Machado Cavalcanti Fonseca, Edrisi Rodrigues Cabral de Vasconcelos, Alexandre Antonio Ribeiro, Kenio Costa de Lima, Otávio José Praxedes Neto

Introdução: o conhecimento da evolução da Odontologia Cosmética tem, rapidamente, trazido popularidade ao tratamento de clareamento dentário. Objetivos: o presente estudo objetiva verificar, por meio de uma revisão sistemática da literatura, a influência do clareamento dentário com peróxido de carbamida a 10% na resistência de união da colagem dos braquetes ortodônticos. Metodologia: foi realizada uma estratégia de busca de artigos e teses pela utilização de palavras chaves nas bases de dados Medline, Lilacs e BBO, e de buscas manuais em periódicos nos idiomas Português, Espanhol e Inglês, publicados no período compreendido entre 1966 e 2007. Resultados: foram encontrados onze estudos, dos quais nove foram localizados por meio das bases de dados e dois na busca manual em periódicos. Dos onze, apenas sete estudos foram selecionados de acordo com os critérios de inclusão, sendo cinco no idioma Inglês e dois em Português. Na maioria dos trabalhos, verificou-se resistências de união suficientes para se realizar um tratamento ortodôntico. Conclusões: os poucos estudos encontrados não proporcionam evidência científica, pois os resultados apresentaram-se conflitantes em relação à influência do clareamento na colagem ortodôntica. Entretanto, as resistências de união encontradas, geralmente, foram maiores que a força (5MPa) clinicamente aceitável de boa adesão. Propõe-se, ainda, estudos in vivo com metodologia adequada.