PICVEM: placa de reposicionamento mandibular para incremento de crescimento vertical posterior da maxila – técnica de construção

Por Administrador

Edição V03N02 | Ano 2004 | Editorial Artigo | Páginas 41 até 53

Leopoldino Capelozza Filho, Mauricio de Almeida Cardoso, João Cardoso Neto

A Ortodontia convencional é reconhecidamente limitada no tratamento dos indivíduos portadores das más oclusões do padrão face curta. Recursos ortopédicos associados a tratamentos ortodônticos sem extrações podem ampliar as possibilidades e melhorar o prognóstico. Dentre estes recursos enquadra-se o aparelho denominado PICVEM (placa de reposição mandibular para incremento de crescimento vertical posterior da maxila). Considerando o significativo papel dos dentes na construção das más oclusões do padrão face curta e admitindo que seu tratamento tem sempre como objetivo, entre outros, permitir, estimular ou recuperar o crescimento vertical da face inferior, faz sentido a indicação do aparelho que estamos a descrever. A técnica de construção será demonstrada neste artigo em um paciente adulto jovem, com diagnóstico de má oclusão do padrão face curta, Classe I, com forte sobremordida. Para justificar sua indicação e possibilidade de sucesso nesse mister absolutamente complicado que é interferir sobre o padrão de crescimento, é preciso entender como são constituídas as más oclusões que se pretende tratar com este aparelho, sua indicação, modo de ação, tempo de uso e contenção.