Contenção ativa para mordidas abertas esqueléticas tratadas ortodonticamente

Por Administrador

Edição V02N03 | Ano 2003 | Editorial Artigo | Páginas 79 até 83

Rubens S, de Lima, Sueli C, D, de Oliveira

A estabilidade nos tratamentos ortodônticos depende de uma série de fatores, tais como: alteração na forma dos arcos, tecidos gengivais e periodontais, dimensões dos incisivos inferiores, influência dos fatores ambientais e da neuromusculatura, crescimento pós-tratamento, os terceiros molares e a influência das características da má oclusão original. Os autores pretendem abordar considerações sobre o crescimento dento-facial pós-tratamento e suas implicações na recidiva, assim como a proposição de uma contenção ativa para este tipo de maloclusão. Será apresentada uma contenção ativa na forma de uma placa de Hawley associada a um “Bite block” a ser usada em pacientes com padrões esqueléticos de mordida aberta e crescimento remanescente.