Eficiência, planejamento e previsão tridimensional de tratamento ortodôntico com sistema Invisalign®: relato de caso

Por Administrador

Edição V02N02 | Ano 2003 | Editorial Artigo | Páginas 61 até 71

Rolf M, Faltin, Márcia A, A, de Almeida, Carlos A, Kessner, Kurt Faltin Júnior

O desenvolvimento crescente da tecnologia aplicada a programas computadorizados, voltados para o diagnóstico, tratamento e previsão de tratamento em Ortodontia e Ortopedia Facial, tornou possível a criação de modelos tridimensionais virtuais das arcadas dentárias a partir do escaneamento digital de moldagens ortodônticas de um paciente. Estes modelos virtuais precisos podem ser manipulados por meio de programa computadorizado, produzindo movimentos dentários sucessivos (seqüenciais) de um estágio inicial da má oclusão (situação clínica do paciente) até um estágio final de posicionamento dentário e oclusão desejados. Modelos físicos de cada estágio da movimentação dentária podem ser confeccionados através de processo estereolitográfico, permitindo, deste modo, a produção de uma série de aparelhos (alinhadores) finos, transparentes e ajustados. Estes sucessivos alinhadores devem ser usados por período integral pelos pacientes, a fim de reproduzirem os movimentos dentários programados em cada estágio do planejamento virtual. As más oclusões, envolvendo apinhamentos e espaçamentos leves a moderados, assim como alguns casos mais complexos, vem sendo tratadas com sucesso através do sistema Invisalign®. Baseado em diagnóstico e determinados objetivos terapêuticos, trata-se de um eficiente sistema (material e método) e uma alternativa para os tratamentos ortodônticos de pacientes na fase da dentição permanente completa. A presente descrição de um caso clínico tem como objetivo demonstrar e avaliar a eficácia e a precisão desse sistema quanto ao planejamento e previsibilidade do tratamento virtual comparado aos resultados clínicos obtidos (tratamento real).